Avançar para o conteúdo

SEO para Jornalistas: por que você precisa escrever textos otimizados?

Conteúdo atualizado há 8 meses

Como jornalista da era conectada e digital, é quase obrigatório entender como o SEO funciona para escrever notícias que são otimizadas para mecanismos de busca e atraentes para leitores. E existem algumas técnicas simples de SEO para jornalistas que você pode seguir para garantir que seus artigos e notícias sejam bem escritos e recebam cada vez mais leitores, sem precisar investir em anúncios.

Mas antes de tudo, é importante você ter clareza sobre o que é SEO, como ele funciona e como pode ser usado de maneira estratégica para aprimorar seus textos, reportagens e notícias; sem abrir mão da qualidade e veracidade de informações.

O que é SEO?

SEO é uma sigla para o termo em inglês Search Engine Optimization, que significa otimização para motores de busca. Em termos simples, significa garantir que seu conteúdo apareça o mais alto possível, em palavras-chave específicas, no ranking dos resultados que os buscadores entregam aos usuários.

Em poucas palavras, funciona mais ou menos assim:

  • Você escreve um texto e publica em seu site ou blog de acordo com as boas práticas de SEO, definindo a palavra-chave principal do conteúdo e outras otimizações.
  • O Google, por meio do Googlebot, varre a internet, encontra seu texto, analisa a qualidade e estrutura e faz a indexação no banco de dados das pesquisas.
  • Um usuário digita ou fala uma palavra-chave no campo de busca do Google.
  • Os algoritmos analisam o banco de dados de sites e procuram páginas que combinem com o conteúdo pesquisado.
  • O Google monta, então, uma SERP – página de resultados de busca – com uma lista completa dos links encontrados, organizados em um ranking de relevância.

Como funciona o ranking do Google

Esse ranking é a ordem em que as páginas indexadas aparecem na SERP. O primeiro resultado recebe quase 35% dos usuários que utilizam o Google, porque costuma ser o melhor conteúdo para a palavra-chave pesquisada.

Enquanto que a página que fica no décimo lugar, por exemplo, recebe apenas cerca de 2% dos cliques. Por isso, é tão importante fazer as otimizações de SEO corretas em suas notícias para entrar na briga pelos primeiros resultados das ferramentas de pesquisa da internet.

Ou seja, SEO é um conjunto de técnicas que permitem que os mecanismos de busca, como o Google e Bing, entendam qual é o assunto tratado e consigam analisar a qualidade do conteúdo publicado, para entregar aos usuários exatamente o que eles pesquisam.

Quanto melhor organizado, otimizado e bem escrito for um texto, melhor ranqueado ele será e, por consequência, mais visitantes receberá. E isso vale para posts de blog, páginas de vendas, até notícias.

SEO para jornalistas é indispensável em um mundo conectado e digital - mãos de uma mulher usando um laptop e um smartphone sobre uma mesa branca, tomando café
SEO é uma ferramenta de escrita indispensável para jornalistas | Foto: Christina Morillo

Por que investir em SEO para Jornalistas?

As técnicas de SEO para produção de texto são as maiores aliadas dos jornalistas que trabalham na internet. Isso porque quando bem aplicadas, melhoram não apenas a visibilidade das notícias nos mecanismos de busca, mas também a sua qualidade. E digo qualidade no sentido de seguir os princípios básicos do Webwriting para criar textos escaneáveis, interessantes e indexáveis.

Isso sem mencionar o fato de ajudar a aumentar a visibilidade das notícias publicadas. O que é indispensável em textos jornalísticos que têm o principal objetivo de alcançar o maior número de pessoas – o que também pode melhorar sua estratégia de assessoria de imprensa e PR. Mas se você ainda tem dúvidas, deixo uma lista de 9 razões que destacam a importância do SEO no jornalismo:

  1. Aprender como escrever notícias otimizadas para buscadores e atraentes para leitores;
  2. Entender como funcionam as técnicas de SEO para textos;
  3. Melhorar sua habilidade de escritor e redator, seguindo técnicas de webwriting;
  4. Gerar oportunidade para comercializar ou monetizar seu trabalho jornalístico na internet;
  5. Obter mais leitores para suas notícias e mais visitantes para seu site/blog;
  6. Poder receber renda passiva e ganhar mais dinheiro como jornalista;
  7. Construir sua autoridade dentro de uma temática específica;
  8. Melhorar suas perspectivas de carreira no jornalismo e assessoria de imprensa;
  9. Alcançar audiência global e combater a desinformação.

O jornalismo digital é cada vez mais presente

Além disso, ainda posso destacar um fato para você começar a aprender técnicas de conteúdo SEO hoje mesmo: os leitores estão migrando para a mídia online.

A saber, o instituto americano Pew Research Center divulgou uma pesquisa, em janeiro de 2021, revelando que dois terços dos adultos acompanham notícias por meio de aplicativos (68%) ou fazendo pesquisas nos buscadores, como o Google (65%).

gráfico da pew research center com dados mostrando que adultos acompanham notícias em aplicativos ou fazendo pesquisas na internet
Pew Research Center: consumo de notícias em dispositivos digitais, aplicativos e mecanismos de pesquisa é mais frequente do que nas mídias sociais

O estudo também mostra que mais de 8 em cada 10 adultos (86%) acompanham as notícias na internet, utilizando smartphones, computadores e tablets. Esse número já é muito maior do que a parcela que consome notícias pela televisão (68%). E ainda neste cenário, as publicações impressas são menos presentes, atingindo apenas um terço dos adultos (32%).

gráfico da pew research center sobre consumo de notícias de americanos, é mais frequente em celular e computadores do que em televisão, rádio ou jornais impressos
Pew Research Center: maioria dos americanos recebe notícias em dispositivos digitais (celulares, computadores e tablets)

Mesmo que estes dados sejam de um levantamento feito nos Estados Unidos, duvido que seja diferente aqui no Brasil. Não quero dizer que seja igual, mas sim que essa é uma realidade global e irreversível.

Quanto mais o tempo passar, mais pessoas passarão a consumir informação apenas na internet. Portanto, se você deseja se manter atualizada(o) e valiosa(o) para o mercado, precisa aplicar as técnicas de SEO na produção de conteúdo o mais rápido possível! E você já pode usar ferramentas de inteligência artificial para te ajudar.

Como escrever notícias com técnicas de SEO

A fim de se posicionar bem nos resultados de busca e obter mais tráfego para o seu site ou blog de notícias, você precisa garantir que seu artigo seja relevante e rico em palavras-chave no título, no texto, nas imagens, nos links e em tantos outros aspectos da escrita SEO. Além disso, todo texto deve ser bem escrito e relevante, para atrair leitores.

Você vai precisar dedicar bastante tempo em estudo e prática para aprender como escrever suas notícias com boas técnicas de SEO. É claro que não dá para explicar tudo detalhadamente em um post de blog como este. Por isso, recomendo que você leia meu livro digital sobre SEO para Jornalistas (em destaque abaixo) – é bastante didático e agiliza seu aprendizado com conceitos, técnicas e atividades guiadas.

Mas mesmo assim, vou tentar resumir os principais pontos para que você comece a entender como aplicar SEO no jornalismo da melhor maneira possível. Isso quando falamos de SEO on page, ok? Pois, existem diversos outros recursos necessários para melhorar a indexação e o ranqueamento das suas notícias.

Mas esses recursos vão muito além do básico e envolvem a estrutura do seu site/blog, o servidor onde está hospedado, a usabilidade dos usuários, estratégias de link building e tantos outros quesitos técnicos. Por aqui, vamos focar apenas no conteúdo, ok? Anote aí.

SEO para Jornalistas: um guia completo sobre como escrever textos otimizados

★★★★★
R$ 68,00
Aquitemcomunicacao.com
*preço atualizado em 22 Fevereiro, 2024 03:44

1. Escreva manchetes que incluam palavras-chave

Sua manchete, ou título principal (H1), é a primeira coisa que as pessoas verão quando se depararem com seu artigo, então certifique-se de que ela desperte a atenção e inclua palavras-chave relevantes. Uma boa manchete fará com que as pessoas queiram clicar no seu artigo e saber mais.

2. Distribua palavras-chave em todo o texto

É importante acrescentar sua palavra-chave principal e variações ao longo do seu artigo, para ajudá-lo a subir na classificação nos resultados da busca. Entretanto, não exagere, pois isso pode fazer seu artigo ser penalizado pelos mecanismos de busca. Ou seja, use-as de maneira natural e parcimoniosa. Você deve aplicar palavras-chave nas suas notícias de maneira estratégica.

3. Torne seu conteúdo escaneável

As pessoas frequentemente escaneiam os artigos antes de lê-los palavra por palavra. Para tornar o seu conteúdo mais escaneável, use parágrafos curtos, intertítulos (H2, H3 e H4) e listas numeradas em ou bullets. Isto permite que as pessoas encontrem as informações que estão procurando com mais facilidade e as encoraja a ler todo o artigo, além de permanecer em seu site ou blog por mais tempo, melhorando sua taxa de rejeição (bounce rate).

4. Escrever conteúdo interessante e convincente

Mesmo que o seu artigo esteja bem otimizado, ele não terá sucesso se o conteúdo for chato ou difícil de ler. Escreva conteúdo interessante e convincente que prenda a atenção das pessoas e as faça querer voltar para mais. Isso quer dizer que você precisa fazer bom uso de palavras de transição, escrever em voz ativa e prezar pela simplicidade e facilidade de leitura.

5. Aplique técnicas de webwriting

Webwriting é um estilo de escrita específico para a web. É caracterizado por frases curtas, linguagem fácil de entender e foco nas necessidades do leitor. Em outras palavras, é o oposto da escrita acadêmica e, muitas vezes, jornalística.

Ao escrever para a internet, tenha em mente o seu público e escreva de acordo com ele. No meu livro de SEO para Jornalistas, que recomendei há pouco, eu explico esse conceito com profundidade e entrego os princípios básicos para você escrever para internet com as técnicas corretas de webwriting. Conheça o livro e veja como é possível aprender SEO de maneira descomplicada.

6. Faça ligações entre seus textos

Essa é a estratégia de construção de links internos. Em outras palavras, é a inclusão de links para outros artigos do seu site ou blog, sobre o mesmo assunto. É importante para reforçar a relação entre as notícias, para dar ao leitor mais opções de leitura e mostrar aos motores de busca que você escreve com frequência sobre determinada editoria ou temática.

7. Acrescentes imagens e elementos audiovisuais relevantes

Torne seu artigo mais atraente adicionando imagens e vídeos. Mas tenha cuidado, não se esqueça do texto! Palavras dão sentido ao seu material audiovisual e o ajudará a subir na classificação nos resultados da busca. Lembre-se sempre de otimizar os nomes e descrições de seus arquivos de imagem com palavras-chave, acrescentar legendas, alt tags etc.

Quanto custa um curso de SEO?

O preço de um curso de SEO pode variar de acordo com a duração e complexidade da formação. Em geral, os cursos de SEO variam de cerca de R$200 a R$2.000. Entretanto, cursos mais abrangentes que incluem treinamento prático e certificação podem custar mais de R$5000.

Mas como isso depende muito de qual região do Brasil você está, ou se fará na modalidade online, a melhor maneira de descobrir o custo de um curso de SEO para jornalistas, redatores e blogueiros é entrar em contato diretamente com as instituições ou consultores e solicitar um orçamento.

Além disso, é importante considerar a qualidade do curso ao tomar uma decisão! Alguns fornecedores oferecem descontos para cursos que são comprados com antecedência ou como parte de um pacote. Também é possível encontrar cursos de SEO online gratuitos ou de baixo custo. Entretanto, estes cursos podem não ser tão abrangentes ou confiáveis como aqueles que são ministrados por profissionais certificados.

Em última análise, o custo de um curso de SEO deve ser ponderado em relação ao valor que ele proporciona. Ao escolher um curso, não deixe de considerar a reputação, experiência e histórico do fornecedor. Levando estes fatores em consideração, você encontrará algo bom para você.

De qualquer maneira, você também pode optar por aprender com livros de SEO focados em sua necessidade. Como, por exemplo, meu livro de SEO no jornalismo, que ensina técnicas para otimizar textos de sites e blogs. Além de mostrar como aparecer no Google Notícias.

O maior benefício de aprender com livros é poder estudar no seu tempo, respeitando o seu ritmo e tendo instruções completas em mãos, de fácil acesso, sempre que precisar. Cabe a você decidir o que funciona melhor – começar com um livro e partir para um curso de SEO mais avançado pode ser uma boa opção, por exemplo.

Conclusão

Está claro como o SEO é importante para jornalistas que desejam garantir que seus artigos sejam vistos e lidos pelo maior número de pessoas possível. Seguindo as orientações e dicas deste artigo, além das orientações didáticas que ofereço em meu ebook sobre SEO de conteúdo, você pode colher todas as vantagens do SEO no jornalismo.

Enfim, estude, pratique e aumente as chances das suas notícias conquistarem mais tráfego orgânico e, por consequência, gerar interesse em possíveis patrocinadores para o seu veículo de imprensa.

GOSTOU DO POST? (deixe sua dúvida ou sugestão)

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *